19/03/2014 - Jornalistas pela valorização da profissão

Núcleo de Jornalistas do Sul do Estado se mobiliza pela exigência do diploma e da formação acadêmica dos profissionais
 
Formado recentemente na região para melhorar as condições de trabalho e destacar as irregularidades na profissão, o Núcleo de Jornalistas do Sul do Estado parte para sua segunda ação. A partir de hoje, começa a ser compartilhada via redes sociais uma nota ofical como forma de chamar a atenção do cidadão consumidor de informações diariamente para a qualidade desse produto, que são as notícias. A nota, difundida em massa já nesta tarde, sai em defesa da profissão e ressalta a necessidade da formação superior.
 
Os jornalistas profissionais lamentam a não obrigatoriedade do diploma para o exercício da profissão de jornalista decidida pelo Supremo Tribunal Federal (STF) e alertam para a qualidade da informação divulgada por qualquer profissional não formado, não diplomado, que não tenha passado pelos bancos da universidade para adquirir conhecimento técnico que o capacita a apurar e escrever reportagens.
 
Na nota, o Núcleo de Jornalistas do Sul do Estado pede auxílio à população também no trabalho de coibir a divulgação inadequada de informações e responsabilidade ao averiguar a veracidade daquilo que ajuda a difundir. A mobilização tem apoio também do Sindicato dos Jornalistas Profissionais de Santa Catarina. Confira o conteúdo da nota em anexo.
 
Foto: Núcleo de Jornalistas do Sul do Estado

Desenvolvido por: Lccomunic.com.br Diretoria Nacional Quem Somos O que é o MNBD